Uma Visão Realista do Vampirismo

Inkubus King

Entrando em Contato com os Ancestrais

O Vampiro deve primeiro, praticar a meditação e conseqüente a drenagem de força vital. Ele deve acumular em si essa vitalidade e aumentar seu próprio poder. Para comungar, ele precisará de um local quieto, onde tenha sossego;

Há dois métodos iniciais.

Inicie ao ar livre, chamando-os verbalmente, solicite que eles venham até você, peça para que eles peguem sua oferenda de força vital, peça sabedoria, peça para que Eles apareçam, para ti. Chame-os calmamente em voz calma, e com convicção.

Inspire profundamente pelo nariz, e solte o ar pela boca, soltando assim sua força vital. Repita isso até não agüentar mais. Nessa fase, variadas sensações vão acontecer, alem de sinais que Eles estão aceitando a oferenda. Entregue tudo que tiver á Eles.

Depois de vários contatos dessa forma, ao ar livre, passe para a segunda forma.

Agradeça-os, e afirme sua lealdade á Eles.

O segundo método.

Primeiro sente-se, coloque um espelho á sua frente, mas deixe um espaço entre você e ele. Fique em escuridão quase total, á ponto de ver pouca coisa no espelho. Relaxe, e mentalmente afirme seu desejo de comungar com Eles. Agora verbalmente chame-os, solicite que eles

venham até você, peça para que eles peguem sua oferenda de força vital, peça sabedoria, peça para que Eles apareçam, para ti. Chame-os calmamente em voz calma, e com convicção.

Após isso, foque no espelho como um portal, e inspire profundamente pelo nariz, e solte o ar pela boca, soltando assim sua força vital. Repita isso até não agüentar mais. Nessa fase, variadas sensações vão acontecer, alem de sinais que Eles estão aceitando a oferenda. Entregue tudo que tiver á Eles.

Quando a exaustão acontecer, preste atenção no espelho, relaxe e apenas fique observando o espelho. Deixe que as manifestações ocorram ou não. Sinta o Fluxo de energia que eles vão te dar, deixe isso possuir você.

Agradeça-os, e afirme sua lealdade á Eles verbalmente.

Conforme a pratica, você irá ter uma manifestação física deles. Eles irão aparecer para ti, primeiro no espelho, depois materializarão na sua frente. Irão contatá-lo pelos sonhos, em visões, de muitas formas. Irão te ensinar muitas coisas conforme o tempo.

Esta comunhão deve ser praticada diariamente.

Acelerando a Superação de Valores Humanos

A comunicação do Vampiro é essencial para seu próprio desenvolvimento. A perda de identidade humana, de limitações, crenças, é essencial para sua própria transformação. Conforme ele contata os Antigos isso vai ocorrendo naturalmente, mas podemos acelerar esse processo, através de sugestões, que irão transformar a personalidade do iniciado.

O processo que geralmente ocorre inconscientemente, só é percebido depois de certo tempo. O vampiro toma noção do quanto ele mudou desde o inicio que começou a praticar.

Para acelerar, o processo é simples; relaxe sentado, ou deitado. Procure relaxar ao Maximo, e comece a sugestionar no pretérito presente o seu comportamento, comece trabalhando na sua personalidade, “eu sou calmo”, “cada dia que passa sou mais sereno”, até aspectos mais profundos, corrigindo quaisquer atitudes que não combinam com a mentalidade vampirica.

Analise, pense. A maior parte das pessoas não pensam por si próprias. São levadas, são encaminhadas como ovelhas, por um pastor. Um pastor social fracassado, que os levam ao empobrecimento mental.

A Fraqueza da sociedade, o Culto á Dor, é a mais explicita demonstração disso. O Ser humano tem prazer em falar que é humilde, fraco ou pobre. É bonito ser vitima.

Eles detestam qualquer pessoa que tenha orgulho próprio suficiente para sobressair. Eles querem vencer, mas não assumem que isso exige uma derrota. “Quero vencer sem passar por cima de ninguém” Isso é fraqueza. A Vida é luta. A luta exige derrota. Por medo de machucar alguém eles acabam se machucando.

O Vampiro tem noção que ele vai ter que vencer e pisar em alguém. Ele tem noção que a lei da selva é à lei que impera. Ele não se submete a menos que isso seja vantajoso. Ele não se agacha á menos que isso tenha com um fim.

Como estrategista ele sabe que o meio social é à base de tudo. Dizer sobre sua condição, sua filosofia, sua pratica é um erro social. É burrice. O vampiro deve trabalhar com os seres humanos, e praticamente nenhum ser humano vai gostar de ser chamado de presa, ou alimento. Arrogância é burrice. O silêncio é vital.

Todo vampiro, deve aprender a delicada arte da comunicação. Através das palavras ele vai aprender a manipular as pessoas. O vampiro deve aprender a leitura corporal, ele também deve realizar o exercício ‘sair do local’ para ter uma noção maior da pessoa com quem esta em contato.

‘Sair do local’ é simplesmente parar e se visualizar em terceira pessoa enquanto conversa com alguém. Isso vai fazê-lo perceber detalhes sutis, e coisas relativas à pessoa que quando nós estamos envolvidos emocionalmente, em contato direto, não percebemos. O SDL nos desliga emocionalmente da situação, assim retornando nossa paz interior, e vendo claramente o que está acontecendo. Sem a interferência do nosso emocional.

Lembre-se que é um animal, e que todos á sua volta também são. Animais são Animais. E são domesticados por uma sociedade. O que eles não nos dizem é que nós podemos nos domesticar. Nós podemos tomar controle e reprogramar o nosso jeito, nosso ser. Esse animal não é uma forma definida, mas é um animal mutável.

Agora faça do seu cordeiro um leão.

Mantendo na consciência que todo ser humano é um animal, você toma consciência que está o tempo todo os domesticando. Mantenha isso na cabeça. Experimentos do reflexo condicionado nos mostra claramente.

Domestique-os.

Saiba das suas necessidades, de alimento e sede. E carinho. Carinho é vital para o humano, saiba dar o nível certo para não se tornar doce demais. Satisfaça as necessidades deles, que eles logo irão te obedecer. Saiba dar o necessário. Aumentar o estomago uma vez, e depois dar menos alimento gera revolta. Mais, uma vez, domestique-os.

Aprenda a usar a mentira. Aprenda usar a palavra. Note o efeito, o tamanho. Se desejar, veja com qual animal cada humano á sua volta se parece, e trate-o assim. Preste atenção nas atitudes. Os seres humanos que forem pássaros, que viverem ‘voando’ de um galho á outro, não são confiáveis, a menos que os engaiole. Os humanos que forem gatos, também não são confiáveis.

Felizmente a maior parte da humanidade são cães. Podem apanhar, que só de fazer um novo carinho, eles voltam a ficar felizes. Como os cães, trate-os como tal. Dê carinho suficiente ao teu cachorro, de ração o suficiente, saiba como alegrá-lo, como chateá-lo, como tratá-lo.

Acima de tua saiba domesticar os humanos á sua volta.

A vaidade é o caminho mais simples. Pegue sempre nela. O ego humano é sempre frágil, e o vampiro que busca o controle do humano, ele deve conhecer o ego e se adaptar.

Como disse o Bruce Lee; ”Seja água”. Seja água, evapore, congele, seja líquida, quente ou fria, mas ainda você sempre você. Afinal, não importa que estado se encontre a água á sempre água. O mesmo ocorre com um vampiro. Por mais que ele se adapte a o ser humano ao seu lado, ele mantêm a sua essência. Ele sabe para que esta se adaptando, não por falta de personalidade, mas por excesso dela. Afinal, ele está conhecendo o humano, vendo qual animal ele é, para depois domesticar conforme deve ser.

Como Vampiro, veja tudo como um jogo. Veja cada peça, suas qualidades, seus defeitos. O cavalo anda em ‘L’, o bispo em ‘X’. Não tente fazer o cavalo andar como o bispo. Assim como o xadrez cada humano tem sua identidade e saber tirar proveito dessa identidade é a verdadeira arte vampírica. Procure ser o mais social possível. É o meio social que vai te fornecer ferramentas para adquirir o que deseja. Seja simpático. Todos os humanos adoram a simpatia, o sorriso. Aprenda a sorrir, o sorriso é um veneno se bem usado. Diferente do xadrez, nesse tabuleiro você pode aumentar as suas peças – mas ainda igual ao xadrez as peças devem se mover conforme suas próprias naturezas.

E seja absolutamente discreto. Sobre tudo o que pode te prejudicar. Não dizer, é uma lei. Nenhum animal é completamente confiável, visto que, quem dá mais ganha seu carinho. Então se lembre que todo ser humano é animal e ao mesmo tempo um adestrador – tudo isso inconscientemente. Tome partido, consciente disto, e tire proveito.

A fraqueza deles está no não perceber isso. E a sua força está em saber isso.

A fantasia, a imaginação é fundamental para a humanidade. Através disso os humanos fizeram uma centena de deuses, esquecidos ou lembrados pelo tempo, mas ainda sim, foram reverenciados. Estimule-a. Brinque com a imaginação. É ela que faz um humano viver.

É ela que você deve aprender a usar.

Mostre-se sempre confiável. Lembre-se de como funciona o psicológico do ser humano. Evite dizer o ‘não’, mas lembre que quando você fala você esta agindo no psicológico deles. Então quando você fala algo, diga algo que eles vão guardar. Ao invés de “não se preocupe” diga, “fique calmo”, isso agirá com mais força no psicológico humano.

Saiba usar o não, quando quer que o humano faça aquilo. Fale para ‘não fazer’ aquilo que quer que ele faça. O cérebro é manipulável.

Aprenda o como psicológico humano funcione para manipular ele. Lembre-se de como o coração humano funciona – leia tudo que puder sobre hipnose, sugestão, psicologia, em geral.

Conhecer algo é o inicio a base para dominá-lo.

Quando você parar e observar o comportamento humano, você vai descobrir clichês, chaves que permitem você interagir com a humanidade. Todos eles têm a mesma mania. Todos eles são levados pelas mesmas idéias. “Paz e amor”, “não mexo com ninguém, mas quem mexe comigo ta ferrado” e afins. Preste atenção nisso. Todo ser humano deixa o ponto fraco dele exposto, sem perceber. Preste atenção em como ele diz isso e como ele fala contigo.

Quanto mais calmo você for, mais eles vão acreditar em você. Aprenda a controlar-se. Aprenda a falar. Respire antes de falar, a respiração quando sustenta a palavra faz da mesma ser mais intensa, agir mais profundamente no psicológico humano.

Domestique-os.

Finalizando, conforme pratica as táticas aqui ensinadas, você perceberá que cada vez mais se sentirá distante da natureza humana. Você perceberá o quanto você está mudando. A meditação te ajudará a perceber coisas incríveis sobre os seres humanos. A Drenagem aumentará sua percepção deles. A comunhão irá separar você, deles.

Lembre-se que somos uma Família, e nosso Corpo não pode ser prejudicado, e nem será caso você erre. Você sairá como o louco, e nós como inexistentes. E isso é muito vantajoso.

Então, aja de acordo com a nova natureza que você está prestes a adquirir.

Seja Jogador. Seja predador. Seja Monarca.

Sobre Magia, Consciência e Poder

Nós somos consciência, espírito. E interagimos com consciências o tempo todo. Isso é à base da magia vampirica. A consciência de fato controla o corpo mental ao mesmo tempo em que é influenciada por ele. Nós podemos adestrá-lo para que a influência dele sobre ela seja beneficial. Isso já foi explicado.

O espírito, a consciência por controlar a mente, controla o astral. Por efeito colateral controla o físico. Por esse condicionamento mental, o vampiro toma noção que o corpo físico não passa de uma bolsa de água. Não somente, que a consciência, fica no verdadeiro corpo, que é o astral, e ele reside no físico. Por sua vez há uma troca inversa onde a força vital consumida no físico, alimenta o astral e depois a consciência. Por então, a perda de força vital, após a primeira morte, faz o astral virar um cascão, e aos poucos perder a consciência.

Você se dilui no Universo astral.

Isso para um vampiro é imperdoável. Pelo amor que tem por si, o vampiro suga a vida de outros, para manter a sua segunda vida. Viver livre no astral significa viver num mundo de sonho. Afinal o sonho é astral. Seria como sonhar lucidamente pela eternidade.

Infelizmente, não é nada teórico, é tão real quando a tela do computador que pode tocar. O problema da magia dos seres humanos é que eles são místicos demais, e criam mil superstições. O que enfraquece seu próprio poder. Entendendo o como as coisas funcionam, podemos fazer as coisas funcionar para nós mesmos. Isso é lógico.

A magia é lógica. Ao menos á nossa magia, é. Tudo é testado e comprovado.

Mas enquanto retidos nessa bolsa d’água física, temos que prosperar nela. De nada adianta uma vida pobre. Somos levados á buscar o melhor da existência. Por isso á magia vampírica é materialista. Ao menos, enquanto retidos na matéria.

A existência astral é comprovada pelo vampiro através da projeção astral. Após essa experiência o Vampiro vê o mundo físico apenas como uma parte, um lado da moeda. Ele começa a ter noção também de como funciona as ilusões astrais. Todos os deuses, demônios, anjos, e forças astrais que, foram criados pela fantasia humana, e que existem na realidade astral. Subjetivamente no físico. Eles precisam de força vital para sobreviver, pois essas forças são semi conscientes.

Tudo, absolutamente tudo que existe, é vivo. Se for vivo, tem força vital. Seja uma força mais densa, ou mais pura. Como sempre, tudo, aqui é teoria, até que você verifique essas verdades e outras que estão além do âmbito desse livro.

O vampiro é a mente predatória. Isso nos leva á outro ponto.

 

Parte IV